Hadash: O novo governo de “unidade” formado para atacar o Irã

Partido Comunista de Israel

 

Dov Khenin, membro do parlamento israelense (Knesset) pelo Hadash, afirmou que o novo governo de unidade israelense foi formado para aprovar um ataque ao Irã e advertiu que a concertação política pode conduzir a uma guerra regional. Manifestações contra o novo governo terão lugar hoje à noite e no próximo sábado em Tel-Aviv, Jerusalém, Haifa, Beer-Sheva e outras cidades.

 

Em declaração publicada na manhã de domingo, o Bureau Político do Partido Comunista de Israel (PCI) declarou que as próximas eleições para a Histadrut (Federação Sindical israelense) são cruciais, não apenas para o fortalecimento da classe trabalhadora, mas também como parte de uma campanha política para derrotar os representantes do governo de “unidade” de direita na Histadrut.

De acordo com o PCI, a principal razão para a recente movimentação política é o medo crescente, da parte de Netanyahu e dos ministros deste governo de direita, dos protestos sociais massivos. Até porque o PCI e o Hadash devem se tornar a opção para centenas de milhares de judeus e árabes que têm participado, ao longo dos últimos anos, das campanhas por democracia e justiça social, e que participaram das lutas e protestos de massa.

 

Apoio às reivindicações dos prisioneiros em greve de fome 

O PCI e o Hadash seguem firmes no apoio às reivindicações dos prisioneiros palestinos em greve de fome, muitos dos quais já se encontram em condições médicas críticas, e convidam à participação em protestos que vêm ocorrendo em todo o país. No último fim de semana já houve diversas manifestações, com a participação dos ativistas e dos líderes do Hadash.

 

Marcando os 45 anos da Ocupação

No início de junho atingimos a marca de 45 anos da ocupação da Faixa Ocidental (do Rio Jordão), de Jerusalém Oriental, da Faixa de Gaza e das Colinas de Golã. O PCI e o Hadash convocam para uma manifestação de massas com a reivindicação de pôr fim à ocupação, com a palavra de ordem: não há justiça social sem paz justa; não há paz justa sem um Estado Palestino independente. Foi decidido que a manifestação ocorrerá em Tel-Aviv no sábado dia 02 de junho, e que o Hadash e o PCI trabalharão para garantir a ampla participação de partidos, movimentos, organizações e pessoas neste ato.


 

http://www.maki.org.il , mailto:  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Tradução: Partido Comunista Brasileiro (PCB), fonte: http://pcb.org.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=4017:hadash-o-novo-governo-de-unidade-formado-para-atacar-o-ira&catid=43:imperialismo


.

.

.

Multimídia

You need Flash player 6+ and JavaScript enabled to view this video.
Watching: Saudação do PCLCP ao Congresso de Fundação da Central
Playlist: 0 | 1 | 2